https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Tela

 
Pinto esta tela como simbolo do nosso amor,
pego num pincel e numa folha e rabisco toda a dor.
Somos um livro aberto, sinistro e descoberto em que nada nos separa,
historias macabras e belas
acendem agora as velas e chama que chama pelas nossas almas.
Calmas,
sao as imagens que pinto e à minha alma eu minto toda a vez que digo näo te querer mais.
Irracionais säo os tracos que rabisco nesta folha em que insisto näo parar de terminar.
Contra tudo e contra todos seràs o meu principe encantado para sempre namorado no nosso livro do amor.
Temos tudo e näo temos nada,
uma longa jornada em que tu es a folha e eu o pincel.
Pincel que te pinta e faz com que eu sinta que fomos feito um para o outro mesmo sem encaixarmos.
Somos a esfera perfeita com arestas se deita sobre toda a nossa historia.
Guardo na minja memoria com toda a fè e gloria esta que è a nossa vitória.
Assim termino o nosso quadro
cheio de cor e poesia,
vazia,
cheia,
fazia sentido, fazendo sentido,
pinto para finalizar os nosso corpos nus,
embriagados de luz e suspiros.


Raquel Pereira

 
Autor
R@quel
Autor
 
Texto
Data
Leituras
415
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 03/01/2017 08:34  Atualizado: 03/01/2017 08:34
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 30003
 Re: Tela
Um verdadeiro encanto que se resplandece em cores numa originalidade que vem do verdadeiro amor.

martisns