https://www.poetris.com/
Mensagens -> Desabafo : 

NO PERMEIO DA SOLIDÃO

 
Tags:  poema  
 
NO PERMEIO DA SOLIDÃO
 
NO PERMEIO DA SOLIDÃO
(Jairo Nunes Bezerra)

O que mais queres tu de mim?
Se pelo teus pés já fui pisoteado...
De teu jardim sou rastejante jasmim,
Sempre pelo teu olhar ignorado!

Bela mulher metamorfoseada em flor,
De mim sempre te distancias...
Deixas-me solitário sem o teu amor,
Ampliando a saudade que me afligia!

Um dia mais distanciado estaremos,
Lamentarás os afagos que perdemos,
Numa noite enegrecida sem luar!

A saudade prevalecerá em nosso espaço,
Vítima de teus descasos,
Sem a felicidade alcançar!









 
Autor
Jairo Nunes Bezerra
 
Texto
Data
Leituras
78
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.