https://www.poetris.com/
Sonetos : 

GAIATO

 
Tags:  SONETOS 2020  
 
GAIATO

Feliz de ser quem sou, brinco com tudo.
Não me interessa mais se com razão.
O que não for verdade, seja explosão!
Ou senão emoção com que me iludo...

Dizer é bem melhor do que estar mudo
Falar é expressar cada senão.
Tenho o mundo na palma aqui da mão
Como se agora espada e outrora escudo.

Eu falo porque já calei demais.
Mas decidi cessar de vez meus ais
À espera de que a vida valha a pena.

Se não valer, eu deixo estar e ser
Na fé de por si só se resolver
A dor que me revele uma hora plena!

Betim - 29 06 2020


Ubi caritas est vera
Deus ibi est.


 
Autor
RicardoC
Autor
 
Texto
Data
Leituras
49
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
6 pontos
2
2
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Rogério Beça
Publicado: 30/06/2020 05:09  Atualizado: 30/06/2020 05:09
Colaborador
Usuário desde: 06/11/2007
Localidade:
Mensagens: 1861
 Re: GAIATO
Enquanto há dor sentes. Vives. É a grande virtude desta.
Só o morto não dói.
Já pratico essa coisa de Gaiato há algum tempo.
O meu pai tem uma expressão que não poderia definir mais as nossas muitas diferenças "o calado vence sempre".
Não sei fazê-lo. E já tentei.
Depois tenho esse lado gaiato que ache que consegue falar quase sem parar sem muito errar. Quando, estatisticamente, deve estar provado que quanto mais se repete algo maior a probabilidade de haver erro.
Assim como os acidentes: só não acontecem a quem não trabalha,por exemplo, no trabalho.

Posso te dizer que gostei muito do soneto porque me identifiquei muito com o escrito, além de mostrares aquela tua qualidade na construção.

Abraço