https://www.poetris.com/

 
« 1 2 (3) 4 5 6 ... 12 »
Textos deste autor
Offline
SantosAlmeida
simplicidades
*antes de mais, leitor animado poema simplificado! Um dia de sol Dois dias Três dias Quarto di...
Enviado por SantosAlmeida
em 10/08/2009 22:10:50
Textos deste autor
Offline
SantosAlmeida
contornar a vida
Quero ver-te mas, tu não apareces. Imaginar-te e contornar-te numa cor que não te limite, pássar...
Enviado por SantosAlmeida
em 10/08/2009 21:29:43
Textos deste autor
Offline
amigosolitario
Emoções que o tempo apagou...
Amigos eu não tenho Solitário sou Porque os teria eu Se a ninguém eu me dou? Nasci só Sozinho mo...
Enviado por amigosolitario
em 05/08/2009 22:05:13
Textos deste autor
Offline
rosafogo
Nada
Nada Vim do nada, vou para o nada Este nada, que é meu inerte vazio! Sigo o caminho, vou até ao ...
Enviado por rosafogo
em 03/08/2009 22:44:48
Textos deste autor
Offline
Iolanda Brazão
Acordando
Eu que pensava nada ter. Nada ser. Que o tudo que eu tinha era nada. Descubro que este nada, na ...
Enviado por Iolanda Brazão
em 07/06/2009 21:15:57
Textos deste autor
Offline
SantosAlmeida
ver marte nua
Marca decidida a não ser esquecida. Estação nua.
Enviado por SantosAlmeida
em 24/05/2009 21:10:26
Textos deste autor
Offline
SantosAlmeida
ver marte
Luz quebrada assombra os mortos-vivos. Vinho pão num sorriso.
Enviado por SantosAlmeida
em 23/05/2009 21:31:42
Textos deste autor
Offline
SantosAlmeida
noite
Desvio o olhar para a noite iluminada por rostos ausentes neles encontro apenas o reflexo de um...
Enviado por SantosAlmeida
em 21/05/2009 21:48:43
Textos deste autor
Offline
SantosAlmeida
um vazo vazio
Dentro de uma casa um vazio permanece eternamente Coloco um vazo que cresce com a casa como erva...
Enviado por SantosAlmeida
em 21/05/2009 10:04:16
Textos deste autor
Offline
SantosAlmeida
Apenas um
Encosto os cabelos que arrastam pela areia o sal chorado por mil náufragos. Sou apenas um
Enviado por SantosAlmeida
em 20/05/2009 12:23:25
Textos deste autor
Offline
SantosAlmeida
nada
nada.
Enviado por SantosAlmeida
em 04/05/2009 10:33:58
Textos deste autor
Offline
baraocampos
Um gesto bastaria...
Quando desdobro as tuas palavras, como telas envelhecidas, reinvento os teus gestos, numa agon...
Enviado por baraocampos
em 24/04/2009 12:29:14
Textos deste autor
Offline
SantosAlmeida
os 5 sentidos
uns são cinco outros nem tanto mas, todos eles sentem.
Enviado por SantosAlmeida
em 23/04/2009 20:23:07
Textos deste autor
Offline
SantosAlmeida
um nariz que construiu uma muralha
uma mulher diz que viu um nariz que sozinho apagou espaço preenchido envolvendo-o numa muralha va...
Enviado por SantosAlmeida
em 23/04/2009 20:22:17
Textos deste autor
Offline
SantosAlmeida
olhos que começam a morrer
os olhos, quando morrem eles? quando o Homem escuta mudo.
Enviado por SantosAlmeida
em 23/04/2009 20:20:05
Textos deste autor
Offline
SantosAlmeida
l de papoila
um dos que se mostra invisível se encontra para si mesmo submerge num campo de papoilas.
Enviado por SantosAlmeida
em 22/04/2009 20:23:31
Textos deste autor
Offline
SantosAlmeida
sem tempo
das escadas desce um olhar desconfiado que chega cansado. está habituado a não ter de olhar por ...
Enviado por SantosAlmeida
em 22/04/2009 11:30:14
Textos deste autor
Offline
SantosAlmeida
a árvore que mais ou menos morre
esta árvore não dá vida a quem a come esta árvore dá vida à morte e ela mais ou menos morre.
Enviado por SantosAlmeida
em 21/04/2009 17:13:44
Textos deste autor
Offline
SantosAlmeida
continua à espera
segue os dias com convicção de que amanhã será melhor, mas hoje vê que ainda continua à espera q...
Enviado por SantosAlmeida
em 21/04/2009 09:24:54
Textos deste autor
Offline
SantosAlmeida
os netos da vizinha
uma vizinha cozinhou, após ler a receita, o seu primeiro neto. ele é filho da terra raízes nasce...
Enviado por SantosAlmeida
em 20/04/2009 19:20:20
« 1 2 (3) 4 5 6 ... 12 »