https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Amor : 

Vem dançar

 

Vens dançar assim como és
Égua alada sobre o vale profundo
Vens dançar sem pousar os pés
Nos pântanos fatais que há no mundo

Alço a perna sobre o dorso
Da vida indomável sem selim
E esporeio sem remorso
O pecado de não pecar assim

Esporeio a nudez descalça
Sem medo de perder o pé de apoio
E danço contigo a eterna valsa
Do trigo misturado com o joio

Ainda antes de tomar as crinas bravas
Como um náufrago se agarra à água em vão
Nem a lingerie que me ocultavas
Será tábua da tua salvação.








 
Autor
Carlos Ricardo
 
Texto
Data
Leituras
703
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
8 pontos
8
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Liliana Jardim
Publicado: 11/10/2009 12:21  Atualizado: 11/10/2009 12:21
Luso de Ouro
Usuário desde: 08/10/2007
Localidade: Caniço-Madeira
Mensagens: 4522
 Re: Vem dançar
Já tinha saudades de te ler poeta, bela dança da vida, nestes encontros e desencontros poeta

Jinhos
Tudo de bom para ti


Enviado por Tópico
fogomaduro
Publicado: 12/10/2009 16:41  Atualizado: 12/10/2009 16:41
Colaborador
Usuário desde: 06/08/2008
Localidade:
Mensagens: 1478
 Re: Vem dançar
Não sei se é tango, se valsa. Sei que é uma bela dança.

DM


Enviado por Tópico
Avozita
Publicado: 12/10/2009 17:57  Atualizado: 12/10/2009 17:57
Colaborador
Usuário desde: 08/07/2009
Localidade: Casal de Cambra - Lisboa
Mensagens: 4531
 Re: Vem dançar
Espectacular dança de amor.

Antonieta


Enviado por Tópico
Branca
Publicado: 12/10/2009 18:04  Atualizado: 12/10/2009 18:04
Colaborador
Usuário desde: 05/05/2009
Localidade: Brasil
Mensagens: 2970
 Re: Vem dançar
Parabens, sensível, bem escrito.
beijo.