https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Desilusão : 

Mulher de Areia

 
Tags:  amor    saudade    desilusão    pensamento    ilusão  
 
Encontramo-nos no deserto
Só nós dois, com sede de desejos
Onde teu corpo nu é miragem
E palavras são areias infinitas
Que sela meus lábios com água da tua boca
Castiga-me com teu calor absurdo;
Para que o sol passe despercebido
E deleita sobre mim;
Dunas nuas...
Espreguiçam meus olhos
Mulher de areia encanta-me;
Te provar me faz perder em grãos
A nudez inconcebível da paixão
Hoje não mais existo; me consomes...
Morro de sede neste odre
Na secura da loucura me deparo;
Liberta-me da asperidade da tua teia
Do teu pecado sou carente
Dunas nuas... Mulher me insinua;
Quero morrer desta vês em tua culpa
No deserto imaginário do meu quarto
Mulher de areia; és meu pecado.



Marcelo Henrique Zacarelli

São Paulo, Agosto de 2010 no dia 18
Pelo autor Marcelo Henrique Zacarelli

 
Autor
Marcelo
Autor
 
Texto
Data
Leituras
756
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.