https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

AS NOITES ACABAM NUM DIA

 
AS NOITES ACABAM NUM DIA
 

Em vez de estrelas, recontros
e sonhos a noite escura
teve imagens de outras tantas
dissipadas na aventura.

Reixas de esquinas e becos.
Sussurros. Risadas. Brados.
Tredos e turvos olhares.
Delitos dissimulados.

Pesando-lhe aos ombros,
um gênio maldito
gritara-lhe: - Volta!
Inútil seu grito.

Longe dos lumes dos lupanares,
Sabia ser tarde. Recuar, estultícia...
Ao som dos seus passos de fera exaurida
ladravam os cães, evocando a polícia...

Ao vento emergiram, informes, calados,
extintos afetos de um tempo esquecido.
Ao vento vagaram, despedaçados,
excertos de dramas, paixões sem sentido.

De roupa surrada e soturno semblante,
lembrando avantesma do além foragida,
seguiu sem voltar-se, um único instante.

Qual soterrado que emerge do túnel,
banhou-se do sol que escarlate surgia.
Novo rumo no horizonte,
por mais árduo, seguiria...


Sergio de Sersank
Visitem meu blog literário "Estado de Espírito"
http://sersank.blogspot.com

"A maior revolução de nossos tempos é a descoberta de que, ao mudar as atitudes de suas mentes, os seres humanos podem mudar os aspectos externos de suas vidas."
William James
(Filósofo americano, fundador da escola pragmática)
 
Autor
Sergio de Sersank
 
Texto
Data
Leituras
997
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
20 pontos
4
0
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 30/05/2012 07:14  Atualizado: 30/05/2012 07:14
 Re: AS NOITES ACABAM NUM DIA
“(...)De roupa surrada e soturno semblante,
lembrando avantesma do além foragida,
seguiu sem voltar-se, um único instante.(...)”



Eis cá o retrato d’uma alma transtornada, um alguém que a vida por razões
Desconhecidas ou capaz que familiar demais, não sei o reduziu por imposição
e aceitação
Um momento como esse, que aprece-me eterno de tamanho desespero e sofrimento.


E o que mais confrage-me Amigo Sérgio nesse teu personagem, é a solidão crucial, a confusão existencial, as indagações
Que lhes calaram o poder de sonhar e assim inicia-se nele próprio a dureza do cerne, o que a desilusão é capaz de fazer de tão negativo no ser humano.


Mas apesar do trajecto sorumbático, a qual foi seguindo, soubestes chegar a um final de certa forma surpreendente, pela pontinha de luz que começa a brilhar e eis que um novo homem ergue-se e sente que deve escolher a permanência de acreditar que pode dar mais um passo a frente.


É tocante e instigador tua meditação, tem um frenesi de inquietações de tudo aquilo que assola o espírito, mas sobretudo o que abençoa para sempre levá-lo de retorno a vida.

Maravilhoso, Poeta!

Muito grata pela partilha generosa.

Meu abraço fraterno, perdoe-me a demora de retornar as tuas páginas.

Enviado por Tópico
Sergio de Sersank
Publicado: 31/05/2012 05:01  Atualizado: 31/05/2012 05:01
Super Participativo
Usuário desde: 13/01/2010
Localidade: Londrina-PR BRasil
Mensagens: 159
 Re: AS NOITES ACABAM NUM DIA p/ a SOFIA
Obrigado, Sofia.
Dizem – e eu concordo plenamente – que ninguém pode mudar o caráter, a índole de outro. Podemos sim, com muito esforço, dando tempo ao tempo, mudar o nosso temperamento, as atitudes, o nosso jeito de ser. Que triste seria o mundo se não mudássemos por dentro, não é mesmo? Se vivêssemos em perene rotina, se continuássemos, com o passar dos anos, alimentando as mesmas velhas opiniões sobre tudo, como cantava o Raul Seixas!...
William James entende que esta “descoberta” – a do poder do homem em transformar-se a si mesmo - é a grande revolução dos nossos tempos.
O poema que você comentou com muita propriedade é uma síntese dessa energia latente de que a Natureza nos dotou.
Infelizmente, é ainda assustador o número de indivíduos que se deixam abater face às adversidades da vida, dos que perdem a fé em si mesmos, dos que se entregam ao desespero, ao crime, à neurastenia, ao suicídio.
Nós somos os verdadeiros artífices de nossos destinos. Por mais difíceis sejam as situações e os problemas que se nos deparem, sempre haveremos de encontrar saídas e suplantá-los, se tivermos conservado em nosso mundo interior as necessárias reservas de energia, de fé e de coragem.
Há quem acredite que certos tipos humanos (criminosos, dependentes químicos, alcoólatras, etc) sejam irrecuperáveis.
Para esses, especialmente, o poema é direcionado.
Um grande abraço a você e minha solidariedade pela tristeza que certamente sentiu em ver, recentemente, uma ótima contribuição sua aqui no luso-poemas ser mal recebida por um dos participantes do site, talvez por ele não ter entendido bem o seu despretencioso gesto.
Tenha uma boa noite. Muita paz.

Enviado por Tópico
Vania Lopez
Publicado: 31/05/2012 05:28  Atualizado: 31/05/2012 05:28
Colaborador
Usuário desde: 25/01/2009
Localidade: Pouso Alegre - MG
Mensagens: 17658
 Re: AS NOITES ACABAM NUM DIA
Por me emocionar... as palavras
ficaram sem voos. Agradeço em silencio.
Mas com admiração. bjs