https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Dia da criança (Victor Motta)

 
Tags:  criança  
 

Dia da criança (Victor Motta)

Luzes nas ruas, risos, cores,

brilho das vitrines em festa.

Um carro, vestido novo, um trem.

Gente que passa e não presta

atenção nos que ficam à margem

do encanto das luzes,

no espanto do menino

que erra sozinho,

perdido na cidade.

Que fere, maltrata

e destroi com maldade

os sonhos de criança.

Que rouba no berço

o carinho da mãe,

que cedo levanta

e tanto trabalha,

escrava submissa do asfalto
,

alheio e sem dó
de seu filho, tão triste

e tão só.

Com sua vozinha, fraca,

e cansada,

fica nas ruas perdido

a pedir por presente

apenas um dia só seu;

pois não sabe, afinal, distinguir,

como alguém, que com fome

cresceu,

nos anuncios das lojas

que gritam e proclamam

que ele também é criança

e esse dia é o seu.


Livre-pensadora, livre-sonhadora

Autor: Victor Motta
Victormotta's Blog: http://cariucho.wordpress.com/
 
Autor
Manu_C.
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1246
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 12/10/2012 18:43  Atualizado: 12/10/2012 18:43
 Re: Dia da criança (Victor Motta)
Um bonito, triste e envolvente cantar às crianças desamparadas Manu, o que nunca é demais apelar e refletir.
Parabéns ao autor

Abraços
Luzia