https://www.poetris.com/
 
Sonetos : 

A Lua e a Palavra

 
A LUA E A PALAVRA.

Não creio na palavra...
Pois nem todas de verdade são,
Assim como nem a toda suplica,
A piedade estende a mão!

Não creio em promessas...
Pois todas podem ser quebradas,
Assim como a falsidade espreita...
A palavra dada é fetiche de regata!

Não creio na magia da lua...
Há dias que ela se oculta...
Deixando ás sombras escuras...

O prelúdio de um sentimento,
Que ora era inocente, mas agora...
Peca ao inicio de cada aurora!

Baroneto


Baroneto


 
Autor
THOMAZBNETO
 
Texto
Data
Leituras
516
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.