https://www.poetris.com/
Poemas : 

À LUZ DE LAMPIÕES (rondó)

 
Tags:  RONDÓS  
 
À LUZ DE LAMPIÕES (rondó)

E se, por uma rua escura,
Luzindo em minha desventura,
Os lampiões junto ao sobrado.
Talvez ali, iluminado,
Eu m'embriagasse de ternura...

Se nem a lua àquela altura
Me iluminava a conjectura
Por onde havia madrugado...
-- E se, por uma rua escura...

Se nem a lua mais figura
Na ouropretana arquitetura,
Talvez lampiões do passado
Em meio ao largo serenado,
Trouxessem enfim calentura!...
-- E se, por uma rua escura...

Ouro Preto - 10 02 2012


Ubi caritas est vera
Deus ibi est.


 
Autor
RicardoC
Autor
 
Texto
Data
Leituras
31
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.