https://www.poetris.com/
Poemas : 

Duração Da Noite

 
Cai a noite em sombra feia.
Esvai-se toda luminosidade.
Uma mão parda toca a esfericidade
Outra de tantas nuvens o ar semeia...

Em mim, céu sombrio sem estrelas;
Restos de luzes fracas, desmaiadas;
Fazendo minhas lágrimas prateadas
Do pensamento de não mais vê-la...

São fontes cristalinas o meu pranto,
Filhas dos frios rios de melancolia,
Que quero que essa noite dure tanto
Que nunca mais amanheça um novo dia!



Gyl Ferrys

 
Autor
Gyl
Autor
 
Texto
Data
Leituras
45
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.