https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

O casamento

 
Tags:  Humor?  
 
O casamento

O casamento, outrora
Como era tão diferente
Hoje, é tudo tão esquisito,
E sem favor, deprimente.
Faz confusão, isso faz
Já ela namorou e brincou,
Dormiu com tanto rapaz.
Ou então, vice-versa,
o que é a mesma coisa,
que é a mesma conversa.
Será isto liberdade
Ou uma forma de afirmar?
A sua incapacidade
De não se dar ao respeito,
ou de não se respeitar?
Casados há pouco tempo
Às vezes já com filhinhos,
Separam-se, que tormento!
As crianças, a sofrer!?
Vivem num turbilhão
de casa em casa a viver.
E poucos meses, não mais
Já os garotos têm
Outras mães ou outros pais.
E as famílias convivem
Numa grande trapalhada,
dão-se todos muito bem
Para mim muito confuso,
Ou eu sou uma atrasada,
ou lhes falta um parafuso!

Vólena




 
Autor
Volena
Autor
 
Texto
Data
Leituras
830
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
27 pontos
17
1
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 30/06/2013 18:28  Atualizado: 30/06/2013 18:29
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29310
 Re: Ocasamento
De um casamento errado que surge os fillhos turbulentos. Acho que nãO sabem nem o que é casamento, quanto mais respeito. FAMÍLIA ENTÃO (CONDUTAS É VALORES)


Enviado por Tópico
Migueljaco
Publicado: 30/06/2013 18:51  Atualizado: 30/06/2013 18:51
Colaborador
Usuário desde: 23/06/2011
Localidade: Taubaté SP
Mensagens: 9306
 Re: Ocasamento
Boa tarde Volena, estas convivências nunca são tão passivas como se fazem entender, ninguém recebe filhos de outrem com a mesma dedicação que seus pais, parabéns pelo seu contundente contexto, um grande abraço, MJ.


Enviado por Tópico
GELComposicoes
Publicado: 30/06/2013 20:29  Atualizado: 30/06/2013 20:29
Luso de Ouro
Usuário desde: 04/02/2013
Localidade: Uberlândia - MG - Brasil
Mensagens: 2374
 Re: Ocasamento
Acho que as pessoas de hoje são mais inconsequentes e egoístas. Muitos não querem compromisso ou quando começam um relacionamento acreditam que tudo tem que ser "mar de rosas". E casamento não é assim. Quantas e quantas vezes no casamento a gente ter que ceder, compreender, tolerar...
Gostei demais.
Abração.


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 30/06/2013 23:27  Atualizado: 30/06/2013 23:27
 Re: Ocasamento
Parece que nos dias de hoje é tudo ao molho e fé em Deus!

Gostei :)
Beijo azul


Enviado por Tópico
Jmattos
Publicado: 01/07/2013 00:48  Atualizado: 01/07/2013 00:48
Colaborador
Usuário desde: 03/09/2012
Localidade:
Mensagens: 16206
 Re: Ocasamento
Poetisa e Amiga Vólena
Belo texto, adorei! KKK
Falta um parafuso por cá, eu casei duas vezes e já me separei, espero que meu próximo casamento seja para sempre, juro que casei pensando em viver uma vida inteira juntos, mas não deu certo, permaneci casada enquanto foi bom, quando os aborrecimentos pesaram mais eu coloquei fim. O sucesso no casamento depende do casal, as pessoas só mudam quando desejam, é o livre arbítrio, quando não se entendem é cada um para seu lado, vale mesmo o ditado: Quando um não quer, dois não brigam! Beijos!
Janna


Enviado por Tópico
rosafogo
Publicado: 01/07/2013 10:05  Atualizado: 01/07/2013 10:05
Colaborador
Usuário desde: 28/07/2009
Localidade:
Mensagens: 9599
 Re: Ocasamento
Eu creio que é falta de amor verdadeiro, vive-se na ilusão de que tudo vai permanecer como no enamoramento, na paixão dos 1ºs tempos, depois surgem as dificuldades as obrigações e aí começam os desentendimentos, é que a vida não é um mar de rosas,

gostei de ler.

bj.


Enviado por Tópico
gil de olive
Publicado: 02/07/2013 00:00  Atualizado: 02/07/2013 00:00
Colaborador
Usuário desde: 03/11/2007
Localidade: Campos do Jordão SP BR
Mensagens: 5046
 Re: Ocasamento
Gostei desse texto!Divinamente bem montado! Parabens enorme e uma linda semana!


Enviado por Tópico
velhopescador
Publicado: 02/07/2013 17:09  Atualizado: 02/07/2013 17:09
Colaborador
Usuário desde: 01/03/2013
Localidade: Marília-SP Brasil
Mensagens: 1098
 Re: Ocasamento
Olá, querida Vólena

Muito pertinente esse poema
falando das coisas de agora.
As pessoas, hoje, já casam
pensando em quando ir embora.

Hoje são muito mimados,
Buscam apenas o prazer
Quando estão enamorados
querem se satisfazer

Juram, quando no altar,
o amor para toda a vida
prometem se amar, se cuidar
mas basta a primeira briga

Os filhos não querem a pensão
eles precisam de mais.
Precisam também ouvir "Não!"
Precisam do bom exemplo dos pais.

Abraço
><>


Enviado por Tópico
Eureka
Publicado: 03/01/2016 12:07  Atualizado: 03/01/2016 12:07
Colaborador
Usuário desde: 02/10/2011
Localidade: Lisboa
Mensagens: 4240
 Re: O casamento
Bom dia Vólena,

Encontrei este título e fui fazer uma leitura.
Em boa hora, devo dizer, pois é um assunto que me incomoda bastante e que poucas pessoas querem ter disponibilidade para se debruçar sobre as mais comuns razões que levam a estes comportamentos.

Aqui, nesta maravilhosa partilha a Vólena pôs preto no branco de forma clara e concisa sobre o que vem sendo as relações amorosas entre jovens, adolescentes e até adultos e a falta de intervenção familiar na educação e protecção a dar aos mais jovens.

Segundo o que aprendi, desde tenra idade, primeiro em casa, com os pais, e depois ao crescer, porque nós crescemos e evoluímos durante toda a nossa vida, tudo tem a ver com os valores familiares que se manifestam na presença do indivíduo enquanto criança.
Os meus pais, um exemplo disso, separaram-se quando eu tinha 16 anos, e eu não os vi ter este tipo de comportamentos. Eu sei que eram outros tempos, mas foi com eles que eu aprendi o valor de cada coisa e muito importante, o Valor do Meu Corpo e da Minha Identidade e da Minha Intimidade.

Sao três principios de que ninguém deveria abdicar - o fazer-se respeitar - porque é disso que se trata - do respeito que temos por nós e pelos outros, e o respeito que queremos que tenham por nós.

O Amor entre namorados é uma coisa de paixões, que deve sempre poder "arrefecer" na sua paixão, para que ambos tenham consciência de que a Vida em Comum nada tem a ver com o Namoro.

Enquanto no Namoro os dois se tentam agradar, após o casamento, tudo é posto à prova. Há pois que pensar bem nas qualidades e principalmente nos defeitos de cada qual, pois é nessa capacidade em lidar com ambos que os dois vão ter que honestamente decidir, se vale a pena, passar do namoro ao matrimónio.

O Matrimónio é uma "instituição" dificílima de conseguir conduzir, e levar a bom termo, durante o tempo em que as pessoas estão casadas vivem tudo diariamente sem filtros, e passam a ter de lidar com as imperfeições do par. E aqui está a questão: quando casam estarão cientes das imperfeições do outro, e vão estar pelos ajustes de encontrar forma de lidar com isso mesmo?

Depois a questão do RESPEITO, a que a Vólena aqui chamou para o assunto tão pertinentemente: No respeito que nós reconhecemos por nós próprios e para com os outros está a chave que nos irá ajudar a tomar as decisões que hoje em dia, nem decisões são - hoje tem-se intimidade com um ou uma e amanhã só porque sim... tem-se a mesma intimidade fisica com outra pessoa qualquer.

Impossível para estas pessoas serem felizes, é o que eu defendo. À felicidade é necessário juntar espaço e respeito próprio que todos deveremos ter para connosco e para com os outros.

Como pode uma menina de 14, 15, 16 anos, e por vezes mais nova, saber do que trata tudo isto?
É indispensável que a Família, sempre acompanhe diariamente, os filhos, e eu sei que dá muito trabalho, mas também para que temos filhos se depois não os educamos?
A EDUCAÇÃO FAMILIAR é um alicerce para uma boa vida para qualquer adolescente, e COMUNICAÇÂO é o outro alicerce fundamental para que o jovem cresca equilibradamente, ciente dos seus valores e das escolhas que tiver de tomar em toda a sua vida.

Parabéns minha querida amiga, por ter trazido este assunto a este lugar, e que todos possam reflectir sobre o "casamento" ou a ausência de condições para casar.

Peço desculpa por ter "alugado" o seu espaço com este meu comentário, mas é uma PRAGA que infesta todas as comunidades dos nossos dias, um pouco por todo o Mundo, e é uma tristeza ver certos comportamentos tão abertamente manifestados à nossa frente, diariamente.

Um grande beijinho
Eureka