https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Minimalistas : 

Águas Claras

 
Tags:  corpo    nada    rio    madrugada    pecado    mente. água  
 
A mente atravessa,
O rio de águas claras,
Puro e estéril.
Sem pensamentos, ou desejos,
Apenas atravessa...
Basta emergir do nada,
Livre de conceitos e pecado.
Leve, leva a massa do corpo.
Para onde?
Nada importa mais.
Tudo se resume a nada.
Nadar sobre essas aguas,
Sem rastros da velha humanidade.
Vai dar em nada, ou...
No começo da madrugada.

 
Autor
airtorion
Autor
 
Texto
Data
Leituras
427
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.