https://www.poetris.com/
Poemas : 

não há ilusões na partida

 







os passos rugem
sobre a terra
seguindo a rotina dos dias
na breve tarefa para a partida

em que a terra se cobrirá de flores
e a boca amordaçará o vazio
no exterior do inaudível suspiro

no sono da eternidade
que putrefaz o sangue
na brandura do leito e na mansa frieza
onde perpétuas e ciprestes
aquecem a terra que veste
o que o corpo olvida:
não há ilusões na partida


















Zita Viegas















 
Autor
atizviegas68
 
Texto
Data
Leituras
148
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
26 pontos
14
2
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Semente
Publicado: 06/08/2017 14:16  Atualizado: 06/08/2017 14:16
Colaborador
Usuário desde: 29/08/2009
Localidade: Ribeirão Preto SP Brasil
Mensagens: 8653
 Re: não há ilusões na partida/ PARA Atizviegas
Um poema lindo de viver, Zita querida.
As palavras, o rítmo, a poesia que evola dos versos, como uma chama de vida, e nunca de morte.

Não há mesmo ilusões na partida, mas grande realidade!

A minha parte filosófica não se contém. É tão bem delineado pela autora, o momento da partida, que reflito em quando for a minha vez...
Se eu não soubesse da gloriosa imortalidade da alma, em outros planos da Vida, certamente faria algumas perguntas comuns a todos que se despedem de alguém na hora final: onde aquele que compartilhou os dias e as horas? Onde o Ser Pensante, que sentiu, emocionou, e emocionou-se? Onde aquele que lutou, se aprimorou e venceu supostas vitórias que a Sra Morte arrebata agora ?

Parabéns poeta Atizviegas, por esse talento nato de tua alma, que é centelha do Grande Foco de Luz Incriada!

Beijos de fã !


Enviado por Tópico
Volena
Publicado: 06/08/2017 16:15  Atualizado: 06/08/2017 16:15
Colaborador
Usuário desde: 10/10/2012
Localidade:
Mensagens: 10766
 Re: não há ilusões na partida p/ atizviegas68
Um poema realista e conciso, realmente não há ilusões, tudo que nasce morre e se puder ser uma partida serena, tanto melhor...e uma boa recepção também!
BEIJINHO Vólena


Enviado por Tópico
Gyl
Publicado: 06/08/2017 22:22  Atualizado: 06/08/2017 22:22
Membro de honra
Usuário desde: 08/08/2009
Localidade: Brasil
Mensagens: 12689
 Re: não há ilusões na partida
Não há ilusões mesmo. Por isso vamos aproveitando o momento-neste instante-agora-já! Depois apenas a lei do olvido. Abraços e obrigado pela partilha, amada e querida Zita!


Enviado por Tópico
Rogério Beça
Publicado: 07/08/2017 05:49  Atualizado: 07/08/2017 05:51
Colaborador
Usuário desde: 06/11/2007
Localidade:
Mensagens: 1335
 Re: não há ilusões na partida
A primeira estrofe é uma imagem de força intensa. Além de dar o mote ao encaixar a "rotina" nos "passos" e na "partida".
A rotina tem pouco de ilusão, a não ser que seja uma ilusão ela mesma.
No terceto seguinte a partida surge com a marca dos finais perenes. Sem ambiguidades, nem sentidos vários.

Aliás, as Perpétuas vêm sob forma de árvore, acompanhadas pelos Cipestres (ao tempo que um símbolo tão claro de infortuíno os meus olhos não liam), transportam este poema para um universo quase gótico.
Não fora o título.
Na hora final acabam as ilusões e, felizmente, as antónimas.
Tudo.

Abraço


Enviado por Tópico
RaipoetaLonato2010
Publicado: 07/08/2017 08:56  Atualizado: 07/08/2017 08:56
Colaborador
Usuário desde: 13/03/2010
Localidade: Paulínia-SP
Mensagens: 2476
 Re: não há ilusões na partida
'o que o corpo olvida:
não há ilusões na partida'

Tudo vai. As ilusões ficam.- Que belo!


Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 16/08/2017 20:18  Atualizado: 16/08/2017 20:18
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 28180
 Re: não há ilusões na partida
Lindas palavras que se casula de um jeito sentido pelo olhos os verdadeiros isanos


Enviado por Tópico
GinaCortes
Publicado: 19/08/2017 14:41  Atualizado: 19/08/2017 14:41
Novo Membro
Usuário desde: 10/08/2017
Localidade:
Mensagens: 6
 Re: não há ilusões na partida
Essa brevidade que todos já sabem escrita, mesmo que 100 anos dure sempre será pouco o tempo. Tão nítida é a realidade da partida que ninguém ousa sonhar se perpetuar.

De grandeza imensa o poema nestes poucos versos.
Parabéns! !

Fica em paz.

Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 08/09/2017 11:13  Atualizado: 08/09/2017 11:13
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 28180
 Re: não há ilusões na partida
Momentos que os olhos sentem os momentos que se faz dos instantes onde imaginação realizam miragem, a ilusão é construídas pelos pensamente.

seu poema esta belíssino um abraço