https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Amor : 

Amplitude

 
Tags:  amor    mar    areia    braços    timidez    suave    amplo  
 
Quase me perco nos meus pensamentos,
nas lembranças, e nos desejos,
que absolutamente não conhecem limites.

Tanto quanto imensa é a terra e infinito é o céu,
assim é o meu amor...tão amplo, e tão estável!

Me invades como o mar invade a areia,
me tocas como o céu toca o horizonte.

Suave, te sinto, te pressinto,
Me desnudo dos preconceitos,
dos medos, da timidez...
E sem receios, te recebo,
em meus braços, outra vez.


Cláudia Banegas

 
Autor
Cláudia Banegas
 
Texto
Data
Leituras
603
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.