https://www.poetris.com/
Poemas : 

O tempo e a memória

 
Tags:  recordações  
 

Quão atroz é o tempo.
Na sua rotina não se escora
Tornar-se-á costumeiro?
Fugidio, e sem demora
Galopeando bem ligeiro,
Sucumbindo a memória
O silêncio e a história.
Na saudade ele mora.
Na lembrança ele chora,
Aonde passou sua glória.

31/08/21
Mary Jun






Mary Jun

 
Autor
Maryjun
Autor
 
Texto
Data
Leituras
79
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
4 pontos
2
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Legan
Publicado: 25/11/2021 19:39  Atualizado: 25/11/2021 19:39
Colaborador
Usuário desde: 26/01/2010
Localidade: Algures em Trás-os-Montes
Mensagens: 681
 Re: O tempo e a memória
Dizem que o tempo tudo apaga mas às vezes seria melhor ter um botão para apagar a memória...

Adorei a leitura


Abraço