https://www.poetris.com/
Sonetos : 

DEVANEIOS

 
Tags:  SONETOS 2022  
 
DEVANEIOS

Saberia dizer em que pensava?
Longe, talvez, de todo entendimento,
Vagueio sem qualquer contentamento
Como se sob efeito d’erva brava.

Cheguei a m’esquecer d’onde eu estava
Imerso em sensações por um momento,
No inconsciente a buscar conhecimento,
D’olho pelo ferrolho d’uma aldrava…

Percebo-me memórias de desejos
E ocupado em me dar satisfação
No fruir de sentimentos benfazejos.

Embora, olhando adentro o coração,
Encontre-me entre dúvidas e pejos
E condenado à própria solidão.

Betim - 22 06 2022


Ubi caritas est vera
Deus ibi est.


 
Autor
RicardoC
Autor
 
Texto
Data
Leituras
58
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.