https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Amor : 

LI-TE...

 
Li-te ao relento daquela noite
Palavras sublinhadas na aragem
Breves pensamentos feridos
Constantes indefinidas na soltura de um abraço
Li-te poesias inacabadas
Desejos amordaçados por uma fome maior
Breves toques em olhares irrequietos
Prazeres permitidos em momentos cúmplices
Li-te com uma avidez inquietante
Enquanto os meus olhos tocavam as estrelas
E os teus a imensidade dos meus
Li-te memórias perpassadas
Amores esquecidos na correria do tempo
Ultrapassados por uma ânsia crua
Bebi dos teus lábios o licor da madrugada
Ancorei no cais do teu seio
E sonhei, sonhei ler-te o amor que escondes
A paixão ansiosa, o desejo que arde
Li-te naquela noite, a nossa noite
O nosso amor descarnado por saudades
Li-te, meu amor
As palavras que nunca te direi
As saudades que nunca desejei…

Bruno Carvalho

 
Autor
bcarvalho
Autor
 
Texto
Data
Leituras
754
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Gilberto
Publicado: 12/06/2007 16:39  Atualizado: 12/06/2007 16:39
Colaborador
Usuário desde: 21/04/2007
Localidade: V.Nde GAIA-Porto
Mensagens: 1804
 Re: LI-TE...
Belíssimo poema!

Parabéns!

Abraço