https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Desilusão : 

VIVO DE MEMÓRIAS

 
Vivo de memórias
De palavras ultrapassadas pelo tempo
Vivo de esperanças fugidias
De amores sonhados
E demasiadas partidas

Vivo de ilusões
Na profundidade dos teus olhos
Vivo de versos rasurados
Poemas despojados de sentimento
A minha loucura disfarçada

Vivo impotente
Com o passar dos dias
E este sentimento que não desaparece
E este sentimento que me faz explodir
Em mil fragmentos de dor

Vivo comprimido pelo medo
Destroçado pela frieza da realidade
Desistir, esquecer, perder
Perder-te na noite escura
E para sempre ignorar o que sentes

Bruno Carvalho

 
Autor
bcarvalho
Autor
 
Texto
Data
Leituras
623
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Paloma Stella
Publicado: 19/06/2007 19:51  Atualizado: 19/06/2007 19:51
Colaborador
Usuário desde: 23/07/2006
Localidade: Barueri - SP
Mensagens: 3514
 Re: VIVO DE MEMÓRIAS
Memórias, momentos.
É bom relembrar de tais coisas.
Viver delas já não é muito bom.
Temos de viver o futuro.

Mas bem, seu poema está magnífico.

Beijinhos