https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Tempestades de Domingo

 
Tags:  solidão    tristeza    esperança    desilusão  
 
As tempestades selam minha vida,
um longo caminho de uma alma oprimida.
As madrugadas são meu pior desvio,
de um coração que está sustentado por um fio.

Mesmo tão jovem, e com o coração puro.
Continuo pendurado em cima do muro...
estando preso e sem saída,
com sua alto estima totalmente caída!

Agarro o travesseiro estou agoniado,
as lagrimas caem como a chuva lá fora.
São silenciosas, e a solidão adora,
pare o tempo, e pause a hora.
Veja como estou a sofrer agora.

a tristeza usurpa de minha aflição,
me deixa sem rumo e sem direção,
ora bem, e ora triste...
tal sentimento que em mim existe,
tento me livrar porem ele resiste!

dormir seria a melhor opção,
pois em meus sonhos posso ser feliz,
e acabar com sofrimento do coração...


21/08/2016


KaiiqueNascimentto!

 
Autor
KaiiqueNascimentto
 
Texto
Data
Leituras
344
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
13 pontos
9
2
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Branca
Publicado: 23/08/2016 14:57  Atualizado: 23/08/2016 14:57
Colaborador
Usuário desde: 05/05/2009
Localidade: Brasil
Mensagens: 2987
 Re: Tempestades de Domingo
Olá Kaique, espero que esta "Tempestade" tenha passado, mas o poema está muito bem escrito.
Gostei muito.

Beijo

Branca


Enviado por Tópico
Volena
Publicado: 26/08/2016 14:35  Atualizado: 26/08/2016 14:35
Colaborador
Usuário desde: 10/10/2012
Localidade:
Mensagens: 12513
 Re: Tempestades de Domingo P/KaiiqueNascimento
..enquanto não mudar de disposição as tempestades não têm parança...tome coragem e deixe a nostalgia debaixo do travesseiro, viva! Gostei do poema , sim,
mas escolha outros temas, tá? Abraço Vólena


Enviado por Tópico
Eureka
Publicado: 28/08/2016 11:27  Atualizado: 28/08/2016 11:27
Colaborador
Usuário desde: 02/10/2011
Localidade: Lisboa
Mensagens: 4213
 Re: Tempestades de Domingo
Bom dia Kaiique,

Fiquei muito feliz após ter feito esta leitura aqui.
Já tão longe vão os teus primeiros poemas aqui partilhados, e quanta diferença... rssss...
Estás diferente, mais maduro, a escrita nos diz tudo isso, pena é que não possa ser num riso. Mas tristezas também fazem parte, e por vezes versá-las também faz parte da solução.

Jovem amigo, adorei o teu poema, muito bem escrito, e com uma explanação de ideias impecável por entre todos os versos tão bem cuidados. Parabéns!

Beijos
Eureka


Enviado por Tópico
Upanhaca
Publicado: 29/08/2016 13:44  Atualizado: 29/08/2016 13:44
Colaborador
Usuário desde: 21/01/2015
Localidade: Sol Poente
Mensagens: 6408
 Re: Tempestades de Domingo
Tenha fé em Deus e use como lema "A esperança é último a morrer" e verás que um dia, esse sofrimento dissipará com o vento.

Abraço!
upanhaca