https://www.poetris.com/
Sonetos : 

GATILHOS

 
Tags:  SONETOS 2018  
 
GATILHOS

Deus! Quanta neurociência para nada?!
Ferrar a mente e após manipulá-la...
Quanta miséria cabe n'uma fala
Que abertamente faz d'alguém escada?!

Buscando uma reacção mesmerizada,
Apenas vende ideias enquanto fala
Desejoso de a ouvir quando se cala
Repetida e, por fim, amplificada.

Ao vício de querer-se aprovação,
Com curtidas, aplausos ou joinhas
Constrói outra forçada interação...

Tudo para induzir forças daninhas
Capazes de alinhar-nos a opinião
Em torno das propostas mais mesquinhas.

Betim - 02 11 2018


Ubi caritas est vera
Deus ibi est.


 
Autor
RicardoC
Autor
 
Texto
Data
Leituras
167
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
17 pontos
3
3
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Gyl
Publicado: 02/11/2018 15:10  Atualizado: 02/11/2018 15:10
Membro de honra
Usuário desde: 08/08/2009
Localidade: Brasil
Mensagens: 15149
 Re: GATILHOS
Belíssimo soneto, como lhe é habitual. Parece que a humanidade tem que dar dois passos para trás para dar um para frente.


Enviado por Tópico
Volena
Publicado: 03/11/2018 14:15  Atualizado: 03/11/2018 14:15
Colaborador
Usuário desde: 10/10/2012
Localidade:
Mensagens: 12514
 Re: GATILHOS P/RcardoC
Haja paciência! Li com agrado com agrado, abraço Vó
Forças daninhas
não aninham, não
na cabeça temente
de um bom cristão...