https://www.poetris.com/
 
Sonetos : 

O eclipse e o amor

 
O eclipse e o amor

Open in new window Quebrou-se a rotina, era um eclipse para se ver,
Momentos importantes para um observador,
Um astro celeste eclipsou e mudou de cor,
Foi um espetáculo que não se podia perder.

O eclipse foi acontecendo, até escurecer,
Terra, sol e lua encantando o espectador,
Mostrando mistérios com todo o seu esplendor,
Brincadeira de esconder, que a ciência sabe responder.

Faz-me lembrar que existe o eclipse de amor,
Quando a nuvem da mágoa faz o amor se esconder,
Tirando do amor, o seu encanto e fulgor.

Que o eclipse do amor seja raro de acontecer,
E que a rotina siga no seu caminho melhor,
Se há algo para esconder, eclipsar, só de prazer.
(Siby)

 
Autor
Siby
Autor
 
Texto
Data
Leituras
286
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
4 pontos
2
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 03/02/2019 19:22  Atualizado: 03/02/2019 19:22
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29356
 Re: O eclipse e o amor
Uma delicia de poema onde os sentidos do amor se aplicam de um jeito todo doce e desejante