https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Amor : 

A ESCULTURA

 
A ESCULTURA



Um dia no paraíso...
No jardim da criação!
O criador brincando
De escultor, esculpiu...

A mais formosa deusa...
De rara beleza e magia!
Curvas definidas, simétricas
Olhos claros, brilho do luar!

Movimentos delicados...
Como um manto de plumas!
Sorriso de estrelas cadentes!

Voz, sussurro dos ventos!
Mãos macias de algodão!
Cabelos suaves, soltos!
Selvagens á brisa de verão!

Teu caminhar cheio de graça...
Como uma majestosa felina tigresa!
Flutua doce no tempo espaço!
Saldando a relva macia, a natureza!

Meus olhos ficam, encantados!
Ao sonhar tão bela imagem!
Transpondo-me em todas as leis...
Quero repousar em teus braços!

Deixar a vida navegar solta...
Nos rios de teus carinhos!
Ancorar a minha existência...
Na alma de tua essência!





THOMAZ BARONE NETO








Baroneto


 
Autor
THOMAZBNETO
 
Texto
Data
Leituras
1808
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.