https://www.poetris.com/

 
(1) 2 »
Offline
maduro
Portugal às avessas
Hoje, enquanto sonhava, descobri que o meu país tinha mudado. No Minho encontrei longas planícies...
Enviado por maduro
em 30/07/2008 23:05:55
Offline
maduro
A santo António e a S. João
Onde paras, Santo António? Alguém se lembrou de ti? Foste o meu inspirador Desde o dia em que nas...
Enviado por maduro
em 14/06/2008 23:39:29
Offline
maduro
Enviado por maduro
em 25/04/2008 12:41:06
Offline
maduro
Enviado por maduro
em 02/04/2008 21:59:49
Offline
maduro
Enviado por maduro
em 22/03/2008 12:42:50
Offline
maduro
Enviado por maduro
em 21/03/2008 21:27:52
Offline
maduro
Enviado por maduro
em 20/03/2008 16:12:56
Offline
maduro
Primeiro poema ao Pai
É quase meia noite e ainda não fiz um poema ao Pai. Bom, e que hei-de dizer eu? Hoje nada me sai....
Enviado por maduro
em 19/03/2008 22:55:43
Offline
maduro
Poema a uma rapidinha
Vim aqui numa rapidinha fazer um poema, É que, há vários dias, não descobria um tema, Mas agora,...
Enviado por maduro
em 18/03/2008 15:27:29
Offline
maduro
Judeu Marrano
Ao judeu marrano Que viveu fugido, Que viveu serrano, Que viveu perseguido Todo o ano. Ao judeu...
Enviado por maduro
em 11/03/2008 18:15:26
Offline
maduro
Estivemos Lá
Nós estivemos lá, assim, unidos, E gritámos com toda a valentia Contra o autoritarismo e tirania,...
Enviado por maduro
em 09/03/2008 23:47:46
Offline
maduro
Vestidos de Negro
Andámos anos a fio À procura da união, Andámos anos a fio sem saber dar a mão. Mas agora que ning...
Enviado por maduro
em 07/03/2008 00:36:06
Offline
maduro
Pequena homenagem à mulher
Já fizeram muitas homenagens à mulher; Já lhe cantaram quantos atributos tem; Mas para que ela s...
Enviado por maduro
em 04/03/2008 22:09:20
Offline
maduro
Ibéria
Ibéria, cabeça da Terra, Portugal, rosto do mundo, Jangada de Pedra A navegar num mar profundo.
Enviado por maduro
em 04/03/2008 14:14:45
Offline
maduro
Celestina
Celestina Calisto, enamorado, Distraído e desastrado, Apaixonado de Melibeia. É normal, não era ...
Enviado por maduro
em 03/03/2008 18:30:50
Offline
maduro
Resposta de D. Juan ao soneto Sombra de D. Juan
Ó quanto eu gostaria de saber Se tu eras dona Ana ou dona Elvira, Até mesmo Zerlina, se eu te vir...
Enviado por maduro
em 02/03/2008 18:25:38
Offline
maduro
Rio Douro
À minha porta passa um rio, Um rio tão grande Que parece um Douro. E esse rio passa na terra ond...
Enviado por maduro
em 01/03/2008 15:00:57
Offline
maduro
Portugal, Quinto Império do Mundo
Chamaram-te do Mundo o Quinto Império, Para que dele se esqueçam os humanos De Assírios, Persas,...
Enviado por maduro
em 29/02/2008 22:39:37
Offline
maduro
Virgen del Rocío
Em homenagem a la Virgen del Rocío, a la Blanca Paloma, e com a aproximação da Páscoa, quero part...
Enviado por maduro
em 28/02/2008 22:39:27
(1) 2 »