https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Sociais : 

Vestidos de Negro

 
Andámos anos a fio
À procura da união,
Andámos anos a fio sem saber dar a mão.
Mas agora que ninguém se meta,
Que vestimos a roupa preta.

E os autocarros serão às centenas;
E muitos mais irão,
Agora, finalmente, soubemos dar a mão.
E connosco ninguém se meta,
Que vestimos a roupa preta.

E foi preciso insultar,
Foi precisa a humilhação;
Tantas e tantas fizeram que só nos deram a mão.
Mas agora que ninguém se meta,
Que vestimos a roupa preta.

E não pensem que é contra a escola,
Ela é nossa de paixão,
Agora é de vez, vamos tomá-la na mão,
E connosco que ninguém se meta
Que vestimos a roupa preta.

 
Autor
maduro
Autor
 
Texto
Data
Leituras
946
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.