https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Fantasia : 

CINZAS DE CARNAVAL - Elen de Moraes Kochman

 
Tags:  carnaval    cinzas    Colombina    arlequim    pierrô  
 
CINZAS DE CARNAVAL - Elen de Moraes Kochman
 
CINZAS

Elen de Moraes Kochman

Cinzas!
Afinal,
da alegria
e dos amores
de carnaval,
nem notícias,
nem sinal!

Colombinas,
Arlequins
e furta-cores
serpentinas,
fugiram
pelas esquinas...

Pierrô,
por favor,
recolha-se
aos bastidores
da sua dor...
Conforme-se
meu senhor!

Vida continua!
Põe na alma
outros valores!
Ou deixe-a nua.
A verdade
é sempre crua!


[/size]


Open in new window


 
Autor
elendemoraes
 
Texto
Data
Leituras
1172
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
3 pontos
5
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 17/02/2013 09:52  Atualizado: 17/02/2013 09:52
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29136
 Re: CINZAS - Elen de Moraes Kochman
Um lindo e belíssimo poema, maravilhoso


Enviado por Tópico
mulherde1textosó
Publicado: 17/02/2013 14:02  Atualizado: 17/02/2013 14:03
Muito Participativo
Usuário desde: 04/02/2010
Localidade:
Mensagens: 68
 Re: CINZAS - Elen de Moraes Kochman
Inteligente, acutilante e oportuno...


Enviado por Tópico
Volena
Publicado: 15/04/2013 16:00  Atualizado: 15/04/2013 16:00
Colaborador
Usuário desde: 10/10/2012
Localidade:
Mensagens: 12405
 Re: CINZAS - Elen de Moraes Kochman
As cinzas do Carnaval, não custam nada deitar fora, passa-se um pano no cinzeiro e até para o ano. Um bjo, Vólena