Poemas : 

ó, pedaço de mim

 


alguns anos de solidão - blogue

"ah, meu deus do céu, vá ser sério assim no inferno!"
- Tom Zé


ó, pedaço de mim
o sol não veio com o dia
disse que viria

assim como veio um pedaço
de vida pelo correio
que eu nunca paguei em dia

deixei o plano da existência
tá vendo, pedaço de mim,
que sonhos não têm carência

bem, o que se quis
se fosse à vista
eu inda era feliz

a gente se vê por aí
no nosso caso
é seguro dizer
terra a prazo


__________________________________
dias de fúria, noites de férias
 
Autor
Caio
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1109
Favoritos
4
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
42 pontos
4
5
4
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 24/09/2014 03:17  Atualizado: 24/09/2014 03:17
 Re: ó, pedaço de mim
a prazo ou a vista a vida n sede garantias nenhuma,é no cru mesmo! os pedaços é q tem q dar um jeito de n perder o cenário de vista. eu gostei muito de ler sua poesia caio,só fiquei com a impressão de uma pitada de humor em algum lugar q n identifiquei na minha investigação rsrsrs, mas apesar disso tem uma profundidade q fez com eu lesse mais de uma vez e ainda fiquei pensando,pensando a respeito. valeu


Enviado por Tópico
Amora
Publicado: 25/09/2014 01:43  Atualizado: 25/09/2014 01:43
Colaborador
Usuário desde: 08/02/2008
Localidade: Brasil
Mensagens: 4705
 Re: ó, pedaço de mim
Já tinha lido esse seu poema no face, gosto muito, muito!
A sua cara mesmo, rs.

Bjo.