https://www.poetris.com/
 
Acrósticos : 

O que não quero

 
O que não quero

Fazer parte de um mesmo conjunto

ainda que com factor diferenciador,

Não deixo de estar no fundo

às escuras e sentindo a dor

Tenho que saber as linhas com que me coso

Não quero enrolar-me nelas às avessas

Não quero conhecer apenas depois do gozo

Quero decidir ainda que por linhas travessas

Se entro se saio ou se rodopio também eu no jogo

Porque a dimensão pode ser factor decisório

Quero quantificar e qualificar o demagogo

Decidir ainda que com base no contraditório

Mas conhecer a fundo o enredo

As personagens e seu carácter

Os cenários do tempo ledo

Toda a envolvente do querer

Seja dura ou leve a perfídia

É legítimo a mim conhecê-la

Sem ter que ser por insídia

Antes seres tu mesmo a confirmá-la

Que a minha mente em obsessão

Que encontra o que és

trazendo agarrado o que também não

Sendo dessa forma muito pior o revés

Jamais te podendo estender a mão

 
Autor
sofiaplatónica
 
Texto
Data
Leituras
651
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.