https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Amor : 

Adeus

 
Open in new window

Adeus

É minha
a mão monstruosa que toca tua face.
Como se toca a rosa em um vaso
macia como as densas nuvens da fumaça do cigarro.

Eu já não fumo
Eu já não bebo

E meus enormes dedos
tocam os fios dos teus cabelos
que com o sopro do vento
enroscam-se em meu rosto macilento.

Imenso, e o meu respirar ofegante
com um nariz de gigante
e meus olhos sanguinolentos
que te olham, e olham.
Disformes.

É meu
amor tão intenso
que eu logo penso. . .
adeus.

Alexandre





Alexandre

 
Autor
montalvan
Autor
 
Texto
Data
Leituras
506
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.