https://www.poetris.com/
Poemas : 

O presente ...

 
Tags:  presente    agora  
 
Sou... Estou... Estás... São...
Preciosidade soberana, segura,
Lente diáfana da realidade em ação!
Perene morada de glória e loucura.

Não fujas do É, nem divagues.
Assim, que ao imponderável “será”,
Remorsos e quimeras não pagues.
Preserva a flama que só aquele te dá!

Porque contemplar em frincha estreita,
Se encontrarás ossada desértica e adeus?
Registro ou é história ou é colheita.
Em memória os cultue, vá lá, foram teus!

Acende teus refletores e teus gravetos;
Luz no presente, não no que vem ou foi embora.
Nele teus tesouros, ramalhetes e sonetos.
Vive intensamente a eternidade do “agora”!



 
Autor
Manito
Autor
 
Texto
Data
Leituras
158
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Lucineide
Publicado: 19/07/2017 20:42  Atualizado: 19/07/2017 20:42
Colaborador
Usuário desde: 06/12/2015
Localidade:
Mensagens: 1260
 Re: O presente ...
O presente é o melhor tempo para se reescrever um novo final. O passado é referência para que se mude a rota. O futuro começou ontem. Então, o melhor tempo para se viver é o hoje. Parabéns pelo maravilhoso poema. Abraços!

Enviado por Tópico
Joel-Matos
Publicado: 19/07/2017 21:08  Atualizado: 19/07/2017 21:08
Subscritor
Usuário desde: 24/02/2017
Localidade: Azeitão/Setúbal, Portugal
Mensagens: 1974
 Re: O presente ...
muito manito tb